11 de mar de 2014

Resenha: Belle

Título: Belle
Autor: Lesley Pearse
Ano: 2012
Número de Páginas: 560
Editora: Novo Conceito
IBSN: 978-85-63219-87-9

Sinopse:

Londres, 1910

Belle, de 15 anos, viveu em um bordel em Seven Dials por toda a sua vida, sem saber o que acontecia nos quartos do andar de cima. Mas sua inocência é estilhaçada quando vê o assassinato de um das garotas  e, depois, é capturada da ruas pelo assassino para ser vendida em Paris.Sem poder ser dona de seu próprio destino, Belle é forçada a cruzar o mundo até a sensual New Orleans, onde atinge a maioridade e aprende a aproveitar a vida como cortesã. A saudade de casa – e o conhecimento de que seu status de garota de ouro não durará muito – a leva a sair de sua gaiola de ouro.No entanto, Belle percebe que escapar é mais difícil do que imagina, pois sua vida inclui homens desesperados que imploram por sua atenção. Espirituosa e cheia de desenvoltura, ela tem uma longa e perigosa jornada pela frente.A coragem será suficiente para sustenta-la? Ela poderá voltar para sua família e seus amigos e encontrar uma chance para a felicidade?Autora best-seller #1, Lesley Pearse criou em Belle a heroína de nossos tempos: uma mulher forte, que luta por seus direitos em um mundo perigoso. 


A leitura de Belle foi uma agradável surpresa. Meu primeiro livro da autora Lesley Pearse e já me vi encantada com sua forma de escrever. Um livro de 560 páginas pode assustar leitores eventuais, mas garanto que vale a pena o desafio.Belle é uma garota inocente que mora no bordel de sua mãe Annie, mas não faz ideia do que acontece em sua casa após o anoitecer. A mãe a proíbe de circular pela casa durante a noite, quando as garotas atendem seus clientes.Aos 15 anos, Belle tem sua inocência brutalmente arrancada quando é vendida para um bordel e jogada na prostituição. Passa por momentos de pura angústia e medo, mas dona de uma coragem incrível, ela aprende rápido a melhor forma de sobreviver ao inferno a que foi submetida.

“É preciso coragem para perder a inocência”

Conhece a violência e a brutalidade com que os homens tratavam garotas como ela. Surpreende-se ao descobrir o carinho, o desejo e a paixão, sentimentos que pareciam impossíveis em seu mundo.  Aprende com todas estas experiências e apesar de não se conformar com seu destino, Belle decide que não será apenas mais uma garota com a vida destroçada. Buscando forças em seus sonhos de menina e nas lembranças que tem da querida Mog, ela aproveita os benefícios que a beleza e a juventude podem trazer nessa profissão para mudar seu caminho e voltar para casa.Mog é a criada da casa de Annie que cuidou de Belle desde que nasceu. Sua mãe por essência, uma vez que Annie nunca demonstrou carinho pela filha, deixando-a aos cuidados da amorosa Mog.

“-Você deve ser uma prostituta. Você vive num bordel!

Com esta fala a autora nos apresenta, já no início do primeiro capítulo, ao Jimmy, o garoto ruivo e sardento que terá um papel importante na vida de Belle e que segue com uma determinação inabalável em sua busca, após seu sequestro e desaparecimento.Ao longo do livro, você conhecerá Noah e Etienne. Homens que verão suas vidas cruzando os caminhos de Belle, de formas diferentes, mas igualmente marcantes.

A ambientação do livro é uma das coisas marcantes no estilo da autora. Ela descreve a Londres no início do século passado e também New Orleans de maneira rica, sem ser maçante, nos transportando para aquela época. A autora é reconhecida por pesquisar profundamente o cenário e os temas de suas obras.A autora disse ter se inspirado em histórias de mulheres jovens que se tornaram prostitutas durante a febre o outro da Califórnia e do Klondike. “ As histórias dessas mulheres ficaram na minha cabeça e, embora eu não quisesse escrever outro livro sobre a febre do ouro*, fui levada a criar uma heroína que, embora fosse forçada a se prostituir no início, decidisse aceitar o desafio e fazê-lo trabalhar a seu favor”.*Tema abordado no livro Segue o Coração – Não olhes para trás.

x

3 comentários:

  1. Nossa, eu nem imaginava que essa era a história do livro quando vi a capa!
    Tinha ficado meio assim quando vi ele a primeira vez mas agora deu até vontade de ler.
    Muito bom!

    ResponderExcluir
  2. Já li esse e adorei! Muito bacana seu blog!! Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal, Ana Mara. Agora você precisa ler a continuação Entre o Amor e a Paixão. É ótima.
      Obrigada pela visita! Passe sempre por aqui para ver as novidades e compartilhar conosco as suas opiniões. Um abraço

      Excluir