22 de mai de 2014

Resenha: Roubada

Título: Roubada
Autora: Lesley Pearse
Editora: Novo Conceito
Ano: 2012
Pág.: 376
ISBN: 978-85-8163-024-3

SINOPSE:
Quando uma bela moça loira foi encontrada desacordada em uma praia, ela não tinha nenhuma lembrança de quem era e dos horrores pelos quais havia passado antes de chegar ali. A esteticista Dale não via Lotte Wainwright há tempos, mas, para seu pesar, reconheceu sua amiga na foto publicada pela imprensa local em um artigo que noticiava as misteriosas circunstâncias do aparecimento da jovem que, recentemente, havia dado à luz.
Após uma longa separação entre Lotte e Dale, uma perigosa sequência de segredos, mentiras e pesadelos tem início. O que aconteceu com Lotte? Alguém queria mata-la? E, o pior, o que acontecera com o bebê que dera à luz?
Imagine não saber de onde você veio e o que o futuro lhe reserva...

E se seu caminho fosse apagado? E se tirassem de você a pessoa que mais ama? E se suas lembranças fossem roubadas?


Depois de ler Belle, quando vi este outro livro da Lesley Pearse eu não tive dúvidas em ler. E ela não me decepcionou em  nada!
Roubada conta a história de Lotte, uma jovem que vai trabalhar em um navio de cruzeiro com a amiga Dale e quando se despedem no final da viagem, seguem caminhos separados. Lotte na verdade não foi sincera com a amiga quanto a seus planos, mas Dale nem desconfia que ela está prestes a se meter em apuros. Passado algum tempo, Lotte é encontrada no mar, quase morta, sem lembrança alguma, nem mesmo de seu nome ou de sua origem. Dale reconhece a amiga no jornal em uma matéria que conta o aparecimento da jovem e sua misteriosa amnésia.
Com a ajuda de Dale e do também amigo Scott e o apoio do homem que a resgatou no mar, David, Lotte vai aos poucos se recuperando e lembrando tudo o que aconteceu com ela nos últimos meses. 
A história que vai se revelando aos poucos é terrível e sofrida. E quando ela pensa que tudo passou, o terror volta a sua vida colocando-a em risco novamente.

Mais uma vez autora conseguiu contar uma história envolvente e perturbadora, onde a protagonista vive uma busca pela verdade a cada lembrança recuperada.
A exemplo dos outros livros de Lesley Pearse depois que você se envolve com a trama fica impossível de largar. Ficamos ansiosos com o desfecho, querendo saber logo o que aconteceu e se ela vai conseguir superar os horrores que passou.

Já recomendei Belle, Entre o Amor e a Paixão e agora, Roubada! Lesley Pearse é garantia de leitura envolvente e intrigante!

A autora conta qual foi sua inspiração para Roubada:
"Eu estava caminhando por uma praia com meus cachorros um dia e imaginei encontrar uma garota que o mar tivesse trazido até a praia. Aquilo me levou a pensar em todas as diferentes razões pelas quais ela poderia estar naquela situação: ter caído de um navio, ter sido jogada ao mar e ter tentado se matar. E ai, é claro, eu tentei imaginar o que a teria levado a fazer isso".


Nenhum comentário:

Postar um comentário