28 de dez de 2016

Resenha: 9º Julgamento

9º Julgamento
James Patterson
Arqueiro, 2014

SINOPSE:
Um maníaco impiedoso. Uma jovem mãe e seu bebê são cruelmente mortos dentro do estacionamento de um shopping. Sem testemunhas ou indícios da identidade do assassino, só resta à sargento Lindsay Boxer e ao seu parceiro, Rich Conklin, uma única pista: três letras escritas com batom vermelho no para-brisa do carro das vítimas.
Um assalto sangrento. Em outro canto da cidade, a esposa de um astro de cinema é acordada por um ladrão que está fugindo com milhões de dólares em joias e pedras preciosas. Antes de conseguir chamar a polícia, ela é friamente assassinada e São Francisco fica em estado de histeria.
A morte está próxima. Lindsay é convocada para o novo caso e tenta conciliar as duas investigações e o noivado com Joe Molinari, sempre afetado por seu relacionamento íntimo com Conklin. Em meio a toda a adrenalina, a sargento é obrigada a colocar a própria vida em risco para salvar a cidade antes que a lista de vítimas aumente.


Finalmente eu li último livro de James Patterson (em parceria com Maxine Paetro) da série Clube das Mulheres contra o crime que estava na minha estante esperando. Não foi por falta de interesse que essa leitura demorou e sim de tempo mesmo. Como já devem saber, eu adoro as histórias criadas por Patterson. Ele tem uma forma de escrever que eu gosto muito, com cenários e personagens bem construídos e narrados. 
Em 9º Julgamento ele deixou de lado o suspense de descobrirmos quem são os culpados e logo nos primeiros capítulos já nos apresenta o assassino cruel de mães e bebês e a ladra de jóias. São os dois casos que dividem a atenção da Tenente Lindsay Boxer nessa trama. 

Um maluco atira em uma mãe e seu bebê no estacionamento de um shopping, causando comoção geral, principalmente em Claire, a médica-legista amiga de Lindsay que é mãe de uma bebê em idade próxima a da criança cruelmente assassinada. 

Paralelo a esse caso, acompanhamos a ladra Hello Kitty que invade a casa dos ricos enquanto os donos oferecem jantares no andar de baixo. Ela entra e sai levando caras jóias sem nunca ser vista, mas dessa vez algo deu errado e acaba com a esposa de um astro de cinema assassinada. Mais uma vez aqui, Patterson não esconde os fatos do leitor. O mistério para os leitores é somente saber quando e como a polícia vai descobrir os verdadeiros culpados e se vai conseguir capturá-los. 

Essa "falta" do mistério em nada compromete a história e é até interessante para o leitor que acompanha a investigação da polícia e as ações dos culpados ao mesmo tempo. 

9º Julgamento é mais um livro de James Patterson que eu indico!

Aqui na Estante você pode encontrar a resenha dos outros livros da série Clube das Mulheres Contra o Crime e de outros livros do mesmo autor. É só seguir o link abaixo:






Nenhum comentário:

Postar um comentário