24 de mar de 2016

Resenha: O livro da vida: 365 meditações diárias

O LIVRO DA VIDA
J.Krishnamurti
Academia/Planeta, 2016

Sinopse: 

Uma das obras mais originais de Krishnamurti, este livro contém trechos de conferências publicadas e inéditas, assim como de diálogos e ensaios que sintetizam a essência do pensamento do filósofo.

Krishnamurti acreditava que a experiência era mais importante do que a teoria e por isso a meditação seria tão fundamental. Também afirmava que o autoconhecimento era a chave para solucionar os problemas humanos e a urgente mudança social só seria possível a partir de uma transformação individual.
Divididas pelos meses do ano, pílulas diárias de reflexão permitirão uma leitura fragmentada para o entendimento prático desses e outros conceitos. Por meio das meditações, pode-se compreender o pensamento de Krishnamurti, suas visões sobre o mundo e como influenciou o pensamento filosófico.


O autor:
JIDDU KRISHNAMURTI nasceu em Madanapalle, na Índia, em 11 de maio de 1895 e morreu em 17 de fevereiro de 1986. Foi filósofo, escritor e educador. 
Fundou, juntamente com a Sociedade Teosófica, a Ordem Internacional da Estrela do Oriente. Após a morte de um de seus irmãos, decidiu desligar-se da Ordem e passou a ser conhecido como um guia espiritual, apesar de sempre ter recusado essa autoridade, não aceitando inclusive discípulos. Não pertencia a nenhuma organização religiosa, nem estava associado a qualquer escola política ou pensamento ideológico. Era vegetariano e se preocupava veemente com a educação. Fundou várias escolas em diferentes partes do mundo e até hoje as suas fundações, além de difundirem o seu pensamento e obra, mantém esses centros educacionais. Sua obra envolve mais de 60 títulos, dentre eles O voo da águiaUma nova maneira de agirO verdadeiro objetivo da vida,Sobre o amor e a solidão, entre outros.

Esse é o primeiro livro que recebo após firmar a parceria com a Editora Planeta e ele chegou no momento perfeito para mim... O Livro da Vida é um lançamento do grupo  pelo selo Academia. A obra propõe ao leitor 365 meditações diárias. São pequenos textos distribuídos nos dias do ano e separados por assuntos:

Janeiro: Escutando - Aprendendo - Autoridade - Autoconhecimento
Fevereiro: Tornando-se - Crença - Ação - O bem e o mal
Março: Dependência - Ligação - Relacionamento - Medo
Abril: Desejo - Sexo - Casamento - Paixão
Maio: Inteligência - Feelings - Palavras - Condicionamento
Junho: Energia - Atenção - Consciência sem escolha - Violência
Julho: Felicidade - Sofrimento - Dor - Tristeza
Agosto: Verdade - Realidade - O observador e o observado - O que existe
Setembro: Intelecto - Pensamento - Conhecimento - Mente
Outubro: Tempo - Percepção - Cérebro - Transformação
Novembro: Viver - Morrer - Renascimento - Amar
Dezembro: Solidão - Religião - Deus - Meditação

Cada tema proposto é assim apresentado: 
1 de janeiro - Escutando com tranquilidade
"Alguma vez você permaneceu sentado silenciosamente, sem fixar sua atenção em nada, sem fazer nenhum esforço para se concentrar, mas com a mente muito quieta, realmente tranquila? Então você escutou tudo, não foi? Escutou os ruídos longínquos, e também aqueles não tão distantes, e aqueles muito próximos, os sons imediatos - o que significa que você está escutando tudo realmente. Sua mente não está confinada a um canal pequeno e estreito. Se você conseguir escutar dessa maneira, com tranquilidade, sem tensão, vai descobrir que está ocorrendo uma extraordinária mudança dentro de você, uma mudança que chega sem sua volição, sua indagação; e nessa mudança já uma grande beleza e um profundo insight". 

Recentemente, eu iniciei um curso de Ascensão Ishaya (técnicas de meditação antigas, simples, fáceis e gentis que pode ser praticadas por qualquer pessoa).  Era um desejo antigo meu de conhecer um pouco sobre o assunto e me iniciar na prática. Ai eu pego o livro do Krishnamurti nas mãos, abro no primeiro tema (esse que transcrevi acima) e tudo se encaixou perfeitamente! Por esse motivo que eu disse que o livro chegou a mim no momento ideal. 

Mas voltando ao livro... a proposta é para lermos um texto por dia e refletir sobre ele, extraindo os ensinamentos. Assim, você terá uma leitura inspiradora durante um ano inteiro! Apesar do livro ter sido composto baseado nas palestras de Krishnamurti e seguindo a ordem que ele praticava, acredito que não haja prejuízo algum se você buscar um assunto que seja pertinente naquele momento em sua vida e antecipar sua leitura e reflexão. 

Eu gostei muito da proposta do livro, ainda mais nos tempos atuais onde a praticidade e a tecnologia tem dominado nossos dias não deixando espaço para o autoconhecimento e para reflexões de temas que tratam da essência do Homem.

Se você já curte leituras do gêneros, esse livro é imprescindível. Se você nunca se aventurou por algo assim, recomendo que tente... você pode se descobrir de uma maneira diferente... e melhor. 
Que tal se arriscar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário