14 de jul de 2014

Resenha: O Chamado do Cuco

Título: O Chamado do Cuco
Autor: Robert Galbraith
Editora: Rocco
Ano: 2013
Pág.: 447
ISBN: 978-85-325-2873-5

SINOPSE: 
Quando uma modelo problemática morre numa queda de uma sacada da Mayfair coberta de neve, supõe-se que ela tenha cometido suicidio. O irmão, porém, tem suas dúvidas e pede ao detetive Cormoran Strike para rever o caso.
Strike é veterano de guerra - ferido fisica e psicologicamente - e sua vida é uma confusão. A investigação lhe dá um salva-vidas financeiro, mas tem um custo pessoal: quanto mais ele mergulha no complexo mundo da jovem modelo, mais sombrias ficam as coisas - e mais perto ele chega de um perigo terrível.
Um mistério elegante e emocionante impregnado da atmosfera de Londres - das ruas silenciosas de Mayfair aos pubs entocados do East End e à agitação do Soho - O Chamado do Cuco é um livro extraordinário. Apresentando Cormoram Strike, este é o primeiro romance policial de J.K. Rowling, escrito sob o pseudônimo de Robert Galbraith.

Este livro foi lançado no mercado pelo desconhecido autor Robert Galbraith, que posteriormente foi revelado como sendo o pseudônimo de J.K.Rowling, a autora da saga de sucesso inquestionável, Harry Potter. Pelo o que eu li, a intenção dela era ver como o público reagiria a obra sem o peso de seu nome e ela declarou que não ficou nada satisfeita quando a informação vazou por meio de seus advogados. 
É certo que a primeira tentativa da J.K. após o sucesso de Harry Potter não foi muito bem sucedida. Com "Morte Súbita" a escritora se arriscou em um gênero totalmente diferente do que a fez famosa, mas o resultado foi um livro controverso: tem que o adorou e outros que odiaram, como foi meu caso. Mas este é assunto para outra hora. 

Voltando a O Chamado do Cuco, as vendas estouraram mesmo depois que vazou o nome verdadeiro do autor. E desta vez J.K. acertou a mão! O livro é ótimo!
Ambientada em Londres, a história narra a investigação da morte da modelo Lula Landry. Uma garota linda, negra, que foi adotada ainda criança por uma família marcada pela perda trágica do primeiro filho. Lula despencou da sacada do seu apartamento em uma noite gelada de inverno e ao que tudo indica, foi suicídio.

Aí entra na história um detetive peculiar que com certeza vai conquistar você também. Cormoran Strike é um ex-soldado, ferido na guerra e que está no pior momento de sua vida. Enfrentando uma séria crise em seu relacionamento amoroso, sem dinheiro e coberto de dívidas, Strike está no que costumamos chamar de "fundo do poço" quando é procurado pelo irmão adotivo de Lula, John para investigar a morte da modelo por não acreditar que ela seria capaz acabar com a própria vida.
Inicia-se ai a jornada de Strike em busca de provas, fazendo com que ele se envolva com personagens de um mundo totalmente diverso do que está acostumado: o mundo da moda e dos holofotes, com modelos e estilistas. Strike conta com a ajuda de sua jovem assistente temporária, Robin Ellacott que entra na vida do detetive meio contra a vontade dele, mas que se revela esperta e muito competente nas investigações.

Mas o que cativa na história, além da aura de mistério, é capacidade do detetive. Ele não é sedutor, bonitão, nada disso... ele é simplesmente inteligente! 
Pensando bem, inteligente mesmo é a J.K. que criou mais um personagem marcante! O mistério da morte da modelo só é revelado nas últimas páginas, e não sei quanto aos outros leitores, mas eu só cheguei a mesma conclusão que Strike poucas linhas antes dele nos contar. A genialidade da história está nos detalhes: as pistas que o detetive vai encontrando ao longo da trama estão nas entrelinhas, em diálogos aparentemente superficiais. Achei o máximo! 
Porém confesso que a narrativa da J.K. às vezes é um pouco detalhista demais, principalmente ao descrever os ambientes que os personagens circulam. Isto foi essencial na saga HP para ajudar o leitor a criar em sua mente o universo de fantasia e magia a que história se refere. No caso de O Chamado do Cuco, eu fiquei um pouco impaciente com tantas descrições minuciosas. Mas nada que tire o brilho do livro ou faça se desinteressar. Longe disso!


Bom, o sucesso deste primeiro livro "de Robert Galbraith" já garantiu a continuidade das atuações do detetive Cormoran Strike: The Silkworm foi lançado em junho no Reino Unido e nos Estados Unidos e já aparece na lista dos mais vendidos. A obra deve chegar ao Brasil ainda este ano.

Saiba mais sobre The Silkworm em http://robert-galbraith.com (em inglês).

CuriosidadeJ.K.Rowling explicou como escolheu o pseudônimo:
“Escolhi Robert porque é um dos meus nomes masculinos preferidos, porque Robert F. Kennedy é o meu herói, e porque, felizmente, não o tinha usado em nenhuma das personagens da série Harry Potter”.(...) Já o apelido Galbraith, acrescenta, vem de uma fantasia de infância. “Quando era criança, queria mesmo chamar-me Ella Galbraith, mas não sei porquê, nem me lembro de alguma vez ter conhecido alguém com esse nome”.

Ficou curioso para ler O Chamado do Cuco? Então participe agora do sorteio que a Estante da Ana está promovendo. Acesse:


SORTEIO REALIZADO EM 08/08/2014: GANHADORA ARIANE ELEUTÉRIO


2 comentários:

  1. Oi Ana, este é o tipo de livro que nos ganha primeiramente pela capa, depois ela sinopse, autora e só depois pela história... Acabei de comprá-lo e estou ansiosa pela leitura. Resenha perfeita, adorei!
    Bjo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Depois conta o que achou do livro. Abraços

      Excluir